segunda-feira, 19 de junho de 2017

Instituto Popular Amazônico realiza Formação em Economia Solidária no Território nordeste Paraense




No mês de junho a Rede Capim de Economia Solidária e o Instituto Popular Amazônico realizaram oficinas de economia solidária nos Assentamento CAIP e Mandacarú, ambas em Paragominas, Nordeste do Pará. Cada agenda reunião cerca de 20 participantes, e contou com a colaboração de diversos empreendimentos solidários.
O projeto conta com o apoio da Fundação Luterana de Diaconia (organismo da Igreja Luterana). Este projeto visa apoiar a formação em economia solidária de agentes ligados a grupos de produção, bem como a animação da Rede Capim de Economia Solidária.
Colônia Mandacaru. A oficina foi a primeira vez que a comunidade e os agricultores tiveram contato, os mesmos ficaram interessados em saber mais sobre Economia Solidária. O Instituto Popular Amazônico e a Rede Capim se comprometeram em continuar a formação associado a temas como Agroecologia e direitos sociais.
Assentamento CAIP. Neste assentamento, já houve diversas iniciativas formativas em economia solidária, inclusive com empreendimentos acompanhado pelo projeto de Fundos Rotativos Solidários por meio da Cáritas Brasileira. Desta vez, a formação foi apenas com grupos de mulheres e de jovens, os quais eles mesmos sentiram a ausência de lideranças das associações de agricultores, os quais os mesmos ficaram de refazer a mobilização e agendar outra  atividade e começaram a articular uma feira de economia solidária.








terça-feira, 13 de junho de 2017

INSTITUTO POPULAR AMAZÔNICO APOIA FORMAÇÃO DE GRUPO DE TRABALHO DE LIDERANÇAS RURAIS PARA ACOMPNHAR PPA DO MUNICIPIO DE PARAGOMINAS.



Reunião com Lideranças rurais -foto: IPA
No último dia 8 de junho cerca de 10 lideranças rurais das mais diversas comunidades rurais de Paragominas, estiveram reunidos para organizar Grupo de Trabalho para acompanhar as ações em preparação ao PPA de Paragominas, o evento foi organizado pelo STTR em parceria com o Instituto Popular Amazônico.
A primeira reunião tinha com finalidade a compreensão do que é o orçamento publico e suas principais questões voltadas para a formulação, considerando as audiências publicas ate a aprovação pela Câmara Municipal de Vereadores.
Todo esse esforço é fruto dos desdobramento do 1ª Plenária da Agricultura Familiar que foi realizada nos dias 23 a 25 maio em Paragominas.
O Agente do Instituto Popular Amazônico, Dr. Ivaldo Sousa, especialista em Gestão Pública e participação popular, conduziu as atividades.



Por, José Wilson Alves